Quarta, 25 de Novembro de 2020 08:06
86 98165 4965
MUNICÍPIOS JATOBÁ DO PI

Liminar suspende último ato de campanha de coligação em Jatobá do Piauí

Uma liminar expedida pela Justiça Eleitoral no início da tarde de ontem, quinta-feira (12/11), suspendeu uma carreata da coligação “Com a confiança do povo e a força do trabalho”, do candidato a prefeito de Jatobá do Piauí Hilton Gomes (PSD).

13/11/2020 16h26
Por: MARCELO BARROS Fonte: EM FOCO
Liminar suspende último ato de campanha de coligação em Jatobá do Piauí

Segundo o candidato, a notificação chegou quando centenas de pessoas já se concentravam no Povoado Bananeira, mas a carreata foi suspensa.

“Nossa coligação vem sofrendo perseguição desde o início pelos nossos adversários. Pediram a impugnação do nosso vice-prefeito Dalberto Rocha, de dois dos nossos candidatos a vereadores, usaram dados da covid-19 no município para que o evento de inauguração do nosso Comitê não acontecesse e no dia seguinte eles inauguraram um comitê” disse Hilton.

O candidato disse ainda que a decisão impediu a carreata, mas não impede a vontade do povo.

“Um momento de emoção. De orgulho que vocês me passam por estarema qui. Essa decisão não impede a vontade do povo de Jatobá. A decisão se refere ao candidato Hilton Gomes. Recebi a honrosa polícia militar em minha residência por volta das 16:45hs. Não houve mais tempo de impedir que vocês viessem. Mas nós, como cidadãos, vamos cumprir a decisão. Vamos voltar para as nossas casas, voltem para a luta que ela continua” disse o candidato para o público presente.

O QUE DIZ OS REPRESENTANTES DA JUSTIÇA

A Chefe de Cartório da 7ª zona eleitoral Catarina Elenice disse ao Em Foco que “a decisão [que suspendeu o evento do PSD] se deu a partir de uma denúncia contra uma coligação específica. Caso outra coligação se programe, para que sofra multa, alguém tem que protocolar denúncia junto ao Ministério Público”.

O Promotor Eleitoral Marcondes Pereira de Oliveira também foi ouvido pelo Em Foco sobre o assunto. Ele disse que “recebeu mídia de popular avisando do evento” e fez o pedido de recomendação inibitória à coligação do candidato Hilton Gomes.

"Só pode ter ato se todo mundo concordar. O acordo primeiro foi dá um tempo sobre a pandemia, até uma segunda reunião. O MP não está interessado se para ou não para. Mas precisamos chegar ao consenso para todo mundo fazer ou não fazer. Tem um Termo de Ajuste para Campo Maior, outro para Sigefredo Pacheco e outro para Jatobá, mas alguns partidos não assinaram o compromisso" disse o Promotor. "Aglomeração não pode mais. Não faz mais sentido". Concluiu. 

O QUE DIZ OS GRUPOS OPOSICIONISTAS

Pelas redes socias, a filha de um dos candidatos oposicionistas negou que tenha sido o grupo quem fez a denúncia que levou a justiça eleitoral a proibir o evento.

"Eles sempre souberam que não poderia ser feito. Foi reunido os representantes de todos os partidos para discutir isso. Inclusive tem um grupo de WhatsApp com todos, mas preferiram ir contra a lei e jogar contra a gente e dizer que é perseguição" escreveu.

O PT também programava um evento semelhante para esta sexta-feira, mesmo tendo participado da susposta discussão do tema por grupo de aplicativo. Mídias já estavam sendo compartilhadas em redes sociais desde a terça-feira, e no fim de semana já havia realizado um grande evento, mas ontem, por volta das 18hs, depois da repercussão do cancelamento do evento do PSD, o PT divulgou que o evento de hoje foi cancelado.

Representantes do Diretório do MDB, que também tem candidato a prefeito do município, também usou redes sociais para dizer que não vai realizar eventos. O partido não tinha nenhum evento programado para esta reta final de campanha.

JATOBÁ DO PI - PI

JATOBÁ DO PI - Piauí

Sobre o município
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias